Vereadora Ada Dantas vai às ruas contra aumento abusivo da energia elétrica

Vereadora Ada Dantas vai às ruas contra aumento abusivo da energia elétrica

Na tarde da última sexta-feira (15), a vereadora Ada Dantas Boabaid (PMN) foi às ruas para protestar, junto com a população, contra o aumento abusivo por parte da Energisa na…

Ação Social -

Na tarde da última sexta-feira (15), a vereadora Ada Dantas Boabaid (PMN) foi às ruas para protestar, junto com a população, contra o aumento abusivo por parte da Energisa na energia elétrica do cidadão rondoniense. Centenas de pessoas participaram do manifesto, que reuniu pessoas de toda a cidade em frente ao prédio da Energisa, incluindo empresários, funcionários, lojistas e alguns políticos.

O protesto estava foi organizado e ganhou bastante repercussão nas redes sociais, onde populares desabafaram e se demonstravam revoltados com o reajuste. “Tem cidadão que ganha um salário mínimo pagando quase R$500,00 na conta de energia. Essa pessoa vai ver com o quê? Esse aumento é um roubo”, disse Ada Dantas.

Várias pessoas utilizaram o microfone e comentaram sobre a revolta em ter que pagar ainda mais caro pela energia elétrica. Deputados estaduais, federais e vereadores também participaram do protesto, explicando alguns pontos sobre as respostas que a Energisa dava quando questionada sobe o motivo de aumentar a tarifa.

Após certo tempo em frente à Energisa, o grupo saiu em caminhada por ruas do centro da cidade. Ada Dantas ia comentando sobre a importância do povo se unir contra esse reajuste, para que toda a população tenha o direito de pagar por uma energia mais barata. “Temos três usinas em nosso estado, estamos mandando energia para fora e pagando absurdo na nossa conta. Chega, precisamos nos unir para diminuir esse valor e a população tem que mostrar força, participando dos próximos manifestos, demonstrando aos representantes em Brasília, assim como ao presidente Jair Bolsonaro (PSL) e ao ministro de minas e energia o descontentamento com esse abuso na conta de energia elétrica”, concluiu Ada Dantas.

Uma comissão de deputados estaduais e federais de Rondônia se reunirá em Brasília na próxima semana, para discutir o reajuste e cobrar que o mesmo seja retirado, buscando ainda diminuir o valor das tarifas de energia elétrica em RO.